Ninguém despreze a tua mocidade.
I Tim. 4, versos (BLH)

11 Recomende e ensine estas coisas.
12 Não deixe que ninguém o despreze por você ser jovem. Mas, para os que crêem, seja um exemplo na maneira de falar, na maneira de agir, no amor, na fé e na pureza.
13 Enquanto você espera a minha chegada, dedique-se à leitura em público das Escrituras Sagradas, à pregação do evangelho e ao ensino cristão.
14 Não se descuide do dom que você tem, que Deus lhe deu quando os profetas da Igreja falaram, e o grupo de presbíteros pôs as mãos sobre a sua cabeça para dedicá-lo ao serviço do Senhor.
15 Pratique essas coisas e se dedique a elas a fim de que o seu progresso seja visto por todos.
16 Cuide de você mesmo e tenha cuidado com o que ensina. Continue fazendo isso, pois assim você salvará tanto você mesmo como os que o escutam.

No primeiro capítulo verso 2 Paulo escreve:”escrevo a você, Timóteo, meu verdadeiro filho na fé.”

Alguns exegetas colocam a idade de Timoteo entre 18 e 20 anos, portanto Paulo escreve para um jovem, que perfeitamente poderia ser você.

Aliás o Antigo Testamento, no livro do Eclesiástico (O Pregador) cap.12,1-8, nós encontramos conselhos lembrando aos jovens algumas realidades que a vida impõe a cada um deles, vejamos:

“1 Lembre do seu Criador enquanto você ainda é jovem, antes que venham os dias maus e cheguem os anos em que você dirá: “Não tenho mais prazer na vida.”
2 Lembre dele antes que chegue o tempo em que você achará que a luz do sol, da lua e das estrelas perdeu o seu brilho e que as nuvens de chuva nunca vão embora.
3 Então os seus braços, que sempre o defenderam, começarão a tremer, e as suas pernas, que agora são fortes, ficarão fracas. Os seus dentes cairão, e sobrarão tão poucos que você não conseguirá mastigar a sua comida. A sua vista ficará tão fraca, que você não poderá mais ver as coisas claramente.
4 Você ficará surdo e não poderá ouvir o barulho da rua. Você quase não conseguirá ouvir o moinho moendo ou a música tocando. E levantará cedo, quando os passarinhos começam a cantar.
5 Então você terá medo de lugares altos, e até caminhar será perigoso. Os seus cabelos ficarão brancos, e você perderá o gosto pelas coisas. Nós estaremos caminhando para o nosso último descanso; e, quando isso acontecer, haverá gente chorando por nossa causa nas ruas.
6 A vida vai se acabar como uma lamparina de ouro cai e quebra, quando a sua corrente de prata se arrebenta, ou como um pote de barro se despedaça quando a corda do poço se parte.
7 Então o nosso corpo voltará para o pó da terra, de onde veio, e o nosso espírito voltará para Deus, que o deu.
8 É ilusão, é ilusão, diz o Sábio. Tudo é ilusão.”

E esta realidade traduzida nestes versos do Eclesiastes ainda paira sobe a cabeça de todos nós, jovens e adultos.

O conselho do apóstolo no cap 5,1 e 2(vejamos): “1 Não repreenda um homem mais velho, mas o aconselhe como se ele fosse o seu pai. Trate os homens mais jovens como irmãos,
2 as mulheres idosas, como mães e as mulheres jovens, como irmãs, com toda a pureza.”. Ele sabia e conhecia muito bem os sentimentos que estavam no coração e mentes de seu filho na fé, por isso o conselho.

A tradução na linguagem de hoje traduz exatamente o que Paulo queria aconselar a Timoteo, na sua língua.

1º Conselho: “Não deixe que ninguém o despreze por você ser jovem.”

Paulo sabia que a juventude é cheia de arroubos e rompantes, mas também sabia que a fé que Timoteo trazia em seu coração fazia dele um homem diferente, pois, aquilo que ele tinha foi ensinado por sua mãe e sua avó Loide, conhecidas por sua fé e doutrina.
Não era o fato de ele ser jovem que ele não poderia ministrar o evangelho de Jesus Cristo a jovens como ele, homens e mulheres velhos e mais moços. Tinha o jovem Timoteo autoridade, pois, sobre ele foram colocadas as mãos dos presbíteros.

Agora jovem peço para que você olhe para dentro de seu coração e veja se você se enquadra neste primeiro conselho de Paulo ao jovem Timoteo. Ele recebeu uma firme orientação dos pais e da igreja por isso tinha autoridade para falar do amor de Deus. E aqui e hoje não é só falar mas também cantar e viver desta forma.

2º Conselho: “... para os que crêem, seja um exemplo...”

Este conselho é um pouco mais difícil, pois, ser uma exemplo é muito difícil mesmo.
Hoje em dia o ditado antigo: “Faça o que eu mando, não faça o que eu faço” têm demonstrado ser mais verdadeiro do que nunca. Existe uma máxima hoje em dia que diz: “ninguém tem nada ver com isso ou o que eu faço só importa a mim.”

E com certeza uma forma que, principalmente o jovem, tem para fugir da sua responsabilidade diante das outras pessoas. Pensando bem, este conselho pode ser ampliado para todos nós, não é verdade? No diz respeito às outras pessoas todos nós agimos desta forma.

O Umpismo tem nestes dois conselhos o seu moto. Não se iniciava e nem terminava uma reunião de jovens sem repetir estas palavras:

“Ninguém despreze a tua mocidade, mas sê exemplo dos fiéis.” (Linguagem Corrigida de Almeida)

...na maneira de falar, na maneira de agir, no amor, na fé e na pureza.

O que isto quer dizer?

Vejam amados ser um exemplo não é somente uma palavra é também uma atitude.

Ser um exemplo NA MANEIRA DE FALAR: existem alguns versículos na bíblia que dizem que toda impureza não é aquela que entra, mas, é aquilo que sai da boca:

Mateus 15:11 Não é o que entra pela boca que faz com que alguém fique impuro. Pelo contrário, o que sai da boca é que pode tornar a pessoa impura.
Mateus 15:18 Mas o que sai da boca vem do coração. É isso que faz com que a pessoa fique impura.

Ser exemplo NA MANEIRA DE AGIR: a ação é a forma de se transmitir aquilo que temos dentro de nós. No livro “O corpo fala” diz que o nosso corpo é o nosso maior acusador, pois, dizemos com o corpo todo nosso sentimento e pensamento.

Ser um exemplo NO AMOR: A bíblia diz que o maior dos dons é o amor.

1 Coríntios 13:13 Portanto, agora existem estas três coisas: a fé, a esperança e o amor. Porém a maior delas é o amor.
1 Coríntios 14:1 Portanto, esforcem-se para ter amor. Procurem também ter dons espirituais, especialmente o de anunciar a mensagem de Deus.
1 Coríntios 16:14 Que tudo o que vocês fizerem seja feito com amor.

Ser um exemplo NA FÉ: A fé demonstra aquilo em que acreditamos. Toda atitude deve ser seguida pela demonstração de fé. Você dever fazer as coisas acreditando nela. Se você não acreditar outras pessoas também não acreditarão em você ou nas coisas que você fizer.

Ser exemplo NA PUREZA: A pureza é uma atitude que vem do coração. Podemos afirmar a pureza está no coração das pessoas. Tudo o que fazemos ou pensamos só como falso se formos impuros em nosso coração.

“2 Coríntios 6:6 Por meio da nossa pureza, conhecimento, paciência e delicadeza, mostramos que somos servos de Deus.”

Conclusão.

Por tanto amados no texto que lemos encontramos palavras sabidas para o dia a dia de cada um de nós.

A mensagem na verdade não é só para os jovens crentes. São também palavras para os adolescentes, pré-adolescentes crianças que conseguem entender, adultos, homens e mulheres.

Nos versos 15 e 16, traduzem a mensagem que eu gostaria que guardassem.

“Pratiquem essas coisas e se dediquem a elas a fim de que o seu progresso seja visto por todos. Cuidem de vocês mesmos e tenham cuidado com o que ensinam. Continuem fazendo isso, pois assim vocês salvarão tanto vocês mesmos como os que os escutam.”

Deus assim nos abençoe.

Presbo. Wagner J Costa